Parauapebas: Elemento morre em confronto com a PM - Portal Pebão

Destaques

Publicidade Página Inicial



sábado, 19 de março de 2022

Parauapebas: Elemento morre em confronto com a PM

A ação aconteceu na tarde deste sábado (19/3), no Bairro Amazônia. O suspeito foi Identificado como Gustavo Santos da Silva, de 20 anos, deu de frente com uma viatura do Grupamento Tático Operacional (GTO) da Polícia Militar. que já estava à procura do mesmo. De acordo com a guarnição ele enfrentou os militares a tiros e acabou baleado.

Foto: Reprodução

Ele ainda foi socorrido e levado para o Hospital Geral de Parauapebas (HGP), mas não resistiu. Com ele foram apreendidos vários celulares, que possivelmente teria sido tomado em assalto, assim como a motocicleta que ele usava e o revólver calibre 38, que ainda de acordo com a PM, ele usou para atirar contra os policiais. 




No relato dos agentes, eles estavam em ronda na cidade quando foram acionados, por volta de 13h30, pelo 23º Batalhão (23º BPM), que repassou que um indivíduo em uma motocicleta Biz, de cor amarela, estava realizando diversos roubos na cidade sendo que o último foi efetuado no Bairro Nova Carajás. Foram repassadas as características físicas e também que tipo de roupa ele estava usando, assim como foi observado que o mesmo estava com uma mochila azul.

Com bases nessas informações, a equipe saiu em campo, seguindo pela PA 160 com a finalidade de chegar ao Bairro Nova Carajás pelo Bairro Amazonas. Na entrada do bairro, os agentes avistaram um elemento com as mesmas características do suspeito.

Ao ver a viatura, ele abandou a motocicleta e saiu correndo, entrado em uma área de matagal e atirando direção à guarnição. Houve o revide, mas ele conseguiu escapar e empreendeu fuga adentrando ainda mais na mata e passando pelos brejos.

Foi então realizado o cerco no local e a incursão na mata, para tentar capturá-lo. Durante a procura, Gustavo efetuou outros disparos contra os agentes, sendo novamente feito o revide e ele foi atingido.

A equipe acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas como a ambulância estava demorando e com a chegada de outra viatura, ele foi socorrido pelos próprios policiais e levado para o HGP, onde morreu pouco depois.



Por: Tina Debord

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.