Polícia realiza operação para reprimir crimes em Parauapebas. - Portal Pebão

Destaques

Publicidade Página Inicial



sexta-feira, 18 de fevereiro de 2022

Polícia realiza operação para reprimir crimes em Parauapebas.

Polícia realiza operação para reprimir crimes em Parauapebas. 
Foto: Ronaldo Modesto
Ações de bloqueio, barreiras, saturação com policiamento ostensivo, atuação contra a violência doméstica e cumprimento de mandados de prisão são os principais focos da Operação Carajás, desencadeada na manhã desta sexta-feira (18) com o intuito de reduzir os índices de criminalidade em Parauapebas.

Segundo Luciano de Oliveira, secretário executivo do Gabinete de Gestão Integrada da Secretaria de Segurança Pública do Estado, que está no município, após dois anos de redução dos índices, a secretaria observou um pequeno aumento em janeiro, que acionou o alerta das forças de segurança.

A concentração das forças ocorreu na Praça de Eventos, centro de Parauapebas, e a operação deve durar até a próxima quinta-feira (24), às vésperas do Carnaval. “Todos os órgãos estão participando com abordagem de veículos e pessoas, fiscalização de estabelecimentos, de eventos, festas, bares, enfim”, acrescentou.

Conforme o secretário municipal de Segurança Institucional, Denis Assunção, algumas ações já vinham sendo desencadeadas nas últimas semanas diante do cenário apresentado. “A gente buscou integrar todas as forças para que a gente possa diminuir esse índice alarmante. Acredito que essa operação vai dar uma baixada significativa, mas não quer dizer que a gente vai atuar somente nesses sete dias, podem ter certeza que as operações serão continuas até o final do ano para que a gente possa baixar, de fato, os índices”.

Secretário executivo estadual Luciano de Oliveira está em Parauapebas acompanhando a ação

Ele acrescenta que nesta sexta a operação se estende até 22 horas e abrange diversos bairros, mas ocorre em horários distintos nos próximos dias.  “Não serão divulgados previamente horários e bairros onde será intensificada a fiscalização, mas também iremos aproveitar e passar rondas periódicas nas áreas comerciais haja vista que vai chegar agora o período do feriadão e tende a aumentar os índices de assaltos”, encerrou.


 (Fonte: Correio de Carajás/Luciana Marschall – com informações de Ronaldo Modesto)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.