Naufrágio mata bebê e deixa seis pessoas desaparecidas - Portal Pebão

Destaques

Publicidade Página Inicial



terça-feira, 28 de dezembro de 2021

Naufrágio mata bebê e deixa seis pessoas desaparecidas

Naufrágio mata bebê e deixa seis pessoas desaparecidas

Naufrágio mata bebê e deixa seis pessoas desaparecidas

Acidente ocorreu nesta segunda-feira (27), no Rio Araguaia, no sul do Pará. Embarcação que naufragou levava 13 pessoas

Nesta segunda-feira (27), uma embarcação que levava 13 pessoas naufragou no Rio Araguaia, próximo ao distrito de Barreira de Campo, no município de Santana do Araguaia, sul do Pará. Segundo a Polícia Militar (PM), um bebê de oito meses morreu e seis pessoas estão desaparecidas, dentre elas, outras duas crianças.

Um vídeo mostra o momento em que Funcionários da Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Santana do Araguaia e do Grupamento do Corpo de Bombeiros de Redenção resgatam os primeiros seis sobreviventes do naufrágio.

De acordo com as primeiras informações uma pessoa morreu no naufrágio, seis pessoas foram resgatadas com vida e seis estão desaparecidas. Entre os desaparecidos estão crianças e idosos.

No vídeo é possível ver o momento em que a embarcação do pessoal do resgate chega a um local de mata fechada às margens do rio e um bebê é entregue a um dos embarcados. “Está bem?” pergunta o homem sobre o estado de saúde do bebê, sem receber resposta.

Moradores de Barreira de Campo, que possuem barcos e lanchas fazem uma força tarefa no Rio Araguaia, na intenção de encontrar as pessoas desaparecidas.

Funcionários da Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Santana do Araguaia, também estão empenhados na procura dos desaparecidos. Devido às intensas chuvas que tem caído sobre a região no mês de dezembro, o volume de água e a correnteza tem tornado a navegação no rio Araguaia um tanto perigosa.

Uma equipe do Grupamento do Corpo de Bombeiros de Redenção, se deslocou para o local do naufrágio para participar das buscas dos náufragos.

A suspeita é de que as 13 pessoas voltavam de um acampamento em uma ilha da região, onde passaram o Natal, quando começou a entrar água na voadeira, que afundou, sem contar com coletes salva-vidas. O delegado da Polícia Civil de Santana do Araguaia, Luciano Freitas, informou que o homem que dirigia a embarcação não possuía habilitação e foi preso.

Ele está detido na delegacia da cidade e à disposição da Justiça. Segundo o delegado, todas as pessoas que estavam na voadeira são da mesma família.

DE NOVO

É o segundo acidente deste tipo e com morte na mesma região do Pará, no Rio Araguaia, este mês. No último dia 4 de dezembro uma pequena embarcação naufragou no distrito de São José, em Xinguara. Ela transportava nove pessoas, das quais cinco conseguiram nadar para a beira do rio e sobreviver. Uma das vítimas fatais na ocasião foi o vereador Maurisan Alves, ​de ​51​ anos, cujo corpo nunca foi localizado.







(As informações são: DOl, G1 e Correio de Carajás)


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.