Veterinária explica causas da doença da 'urina preta' e afirma que ‘não é necessário alerta’; assista - Portal Pebão

Destaques

Publicidade Página Inicial



quarta-feira, 15 de setembro de 2021

Veterinária explica causas da doença da 'urina preta' e afirma que ‘não é necessário alerta’; assista

 A médica veterinária paraense Miss Lene Gomes da Rocha, usou as redes sociais para se manifestar sobre as polêmicas envolvendo a síndrome de Haff, popularmente conhecida como doença da urina preta. Lene explicou sobre as causas da doença e disse que não é necessário estado de alerta. 
Crédito reprodução

A doença da urina preta é causada por uma toxina que pode ser encontrada em determinados peixes como o tambaqui, o badejo e a arabaiana, além de crustáceos como lagosta, lagostim e camarão.

Segundo a veterinária, a toxina que causa a doença só é produzida quando o peixe não foi guardado e acondicionado de maneira adequada, e acaba entrando em decomposição, criando uma toxina sem cheiro e sem sabor.

“Sobre a doença popularmente conhecida como "Doença da urina preta". Cientificamente "Doença de Haff". A pessoa só adquire a doença após a ingestão do peixe mesmo cozido que contém uma toxina que é produzida pela carne do próprio peixe, isso durante o processo de decomposição, quando após o abate o peixe não é devidamente acondicionado no gelo ou sob refrigeração”, afirma Lene.

A médica ainda fez uma crítica a veículos de comunicação que estão disseminando informações sobe a doença em forma de alerta, o que segundo ela está causando pânico na população e afetando a renda de pessoas que sobrevivem da venda de pescado.


Assista a fala da veterinária: 

Fonte: Tapajós Noticías.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.