Homem é preso acusado de abusar sexualmente de cadela em Curionópolis. - Portal Pebão

Destaques

Publicidade Página Inicial



terça-feira, 31 de agosto de 2021

Homem é preso acusado de abusar sexualmente de cadela em Curionópolis.

Homem é preso acusado de abusar sexualmente de cadela em Curionópolis.

Homem é preso acusado de abusar sexualmente de cadela em Curionópolis.
Imagem Ilustrativa/Reprodução

Um homem foi preso na noite do último domingo (29), em Curionópolis, após ser encontrado praticando zoofilia contra uma cadela nas proximidades do Teatro Municipal . O crime foi denunciado por uma protetora de animais, que dê imediato acionou a Polícia.

Homem é preso acusado de abusar sexualmente de cadela em Curionópolis.*  https://www.portalpebao.com.br/2021/08/homem-e-preso-acusado-de-abusar.html?m=1

O suspeito foi detido pela Polícia Militar e encaminhado à delegacia de Polícia Civil. Ele deve responder por maus tratos a animais domésticos.


Com a nova lei as punições ficaram mais severas.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, sancionou a Lei nº 1095/19 de autoria do Deputado Federal Fred Costa, que altera a legislação de Crimes Ambientais e agrava a punição para quem maltratar cães e gatos. A “Lei Sansão”, recebeu este nome em homenagem a um cachorro que teve as patas traseiras decepadas no município de  Confins, em Minas Gerais, e causou comoção em todo o País.

Atualmente, quem maltrata os animais é enquadrado no art. 32 da Lei 9.605/98, com pena de detenção de três meses a um ano de reclusão, além de multa. O novo texto modifica a pena que determina reclusão de dois a cinco anos, multa e proibição de o agressor ser tutor de animais.

Na prática, a mudança faz com que o crime deixe de ser considerado de menor potencial ofensivo, possibilitando que a autoridade policial chegue mais rápido à ocorrência. O criminoso será investigado e não mais liberado após a assinatura de um termo circunstanciado, como ocorria antes. Além disso, quem maltratar cães e gatos passará a ter, também, registro de antecedente criminal e, se houver flagrante, o agressor é levado para a prisão.



Portal Pebão

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.